Menus
Selecionar Menu

Postado Por em dez 17, 2017 Categorias: Boquira, Botuporã, Brasil, Caturama, Cidades, Curiosidades, Érico Cardoso, Esporte, Eventos, Notícias, Outras Cidades, Paramirim, Polícia em Ação, Política, Tanque Novo, Vale do Paramirim | 0 Comentário

Força tarefa da Secretaria de Segurança Publica do Estado da Bahia  “OPERAÇÃO ACRÍDEO” dar fim a saga do assalto ao Banco do Brasil de BOM JESUS DA LAPA

Força tarefa da Secretaria de Segurança Publica do Estado da Bahia “OPERAÇÃO ACRÍDEO” dar fim a saga do assalto ao Banco do Brasil de BOM JESUS DA LAPA

OPERAÇÃO ACRÍDEO

Na madrugada deste domingo(17) uma mega operação dar fim a saga do assalto ao Banco do Brasil de Bom Jesus da Lapa-BA

 

Na madrugada deste domingo (17/12), a Força Tarefa da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) integrou junto com as polícias de Minas Gerais e Goiás, da Polícia Federal (BA e DF), e da Secretaria de Administração Penitenciária do Paraná e da Polícia Civil do Estado de Sergipe, a ação que desarticulou uma das maiores quadrilhas de assalto a grande valores do país.

A ação ocorreu na cidade de Montes Claros, Minas Gerais. Segundo a SSP, o grupo é apontado como remanescente da quadrilha que tentou assaltar agência do Banco do Brasil em Bom Jesus da Lapa, onde dois policiais foram mortos.

Com o grupo, foram encontrados cinco fuzis, duas pistolas e farta munição de calibres, além de aproximadamente 20kg de explosivos. Durante confronto contra o Batalhão de Operações Policiais Especiais da PM de MG, Jean Carlos de Barros Dantas, Bereberê e Aldenir Quirino de Sá, conhecido como Galeguinho de Senhora, morreram. Naelbe Bezerra, seu irmão Jeu Julio da Silva e Yago Nunes de Souza foram presos.

Através do compartilhamento de informações entre a Polícia Militar do Estado de Minas Gerais, Polícia Militar do Estado de Goiás, Polícia Federal (BA e DF), Força Tarefa de Segurança Pública do Estado da Bahia, Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná e Polícia Civil do Estado de Sergipe, equipes do BOPE/PMMG, DINT/PMMG, 11° Companhia Independente de Policiamento Especializado e PM/2-PMGO, acabam de desarticular uma quadrilha especializada no Roubo à Carros Fortes, em roubos a Bancos, Mineradoras e Bases de Valores.
A quadrilha era liderada por Carlos Jardiel de Barros Dantas, Jardiel Cabeção, morto em confronto com a PMGO no mês de 05/2017, quando se preparava para executar um roubo a Carro Forte na região de Aragarças – GO. Após a morte de Jardiel Cabeção a liderança da quadrilha foi assumida por Jean Carlos de Barros Dantas, Bereberê, irmão de Jardiel. Já sob a liderança de Jean a quadrilha sofreu um duro golpe com a prisão de três de seus membros logo após um roubo a Carro Forte na cidade de Unaí – MG, além dos três presos foram apreendidos oito Fuzis, sendo um calibre .50.
Após essa operação a quadrilha se reestruturou e veio a agir novamente no dia 17/10/2017, na região de Grão Mogol, onde roubaram todo o dinheiro de um Carro Forte de uma empresa de transporte de Valores. Diante da movimentação e identificação dos membros da quadrilha, as equipes envolvidas na operação iniciaram varias diligências atrás desses agressores, que articulavam para o início da próxima semana uma nova investida a um Carro Forte na região de Montes Claros – MG.
Durante a operação dois dos agressores morreram em confronto com o BOPE/PMMG, e foram identificados como Jean Carlos de Barros Dantas, Bereberê e Aldenir Quirino de Sá, Galeguinho de Senhora, foragido da Justiça por roubo a banco, e foram presos Naelbe Bezerra, que portava documentos falsos, seu irmão Jeu Julio da Silva, que também portava documentos falsos e Yago Nunes de Souza.
Em poder da quadrilha foram apreendidos 5 Fuzis, sendo um calibre .50, duas Pistolas Cal 9mm, farta munição Cal .50, 7,62mm, 7,62 curto e 9 mm, aproximadamente 20kg de explosivos, veículos, uma chapa de aço que seria instalada no veículo a ser utilizado na ação, bem como outros equipamentos que seriam empregados no roubo.
As Forças de Segurança Pública envolvidas na Operação ACRÍDEO impuseram a Força do Estado na desarticulação dessa Organização Criminosa que por diversas vezes afrontou a sociedade e os poderes constituídos.
A quadrilha desarticulada por completo no dia de hoje é responsável por ações que vitimaram Policiais Militares no Estado da Bahia e no Estado do Ceará.

Juntos Somos Fortes!!!
[09:01, 17/12/2017] +55 77 9914-7700: E assim se encerra a saga do assalto ao Banco do Brasil de BOM JESUS DA LAPA
🔺In memorian🔺
Sd PM Everton Oliveira de Santana

Foto: Divulgação/SSP BA
  

Sd PM Gilberto Lemos Silva Júnior

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *